Quarta-feira, 28 de Outubro de 2009

Conversas sem jeito nenhum!

Trabalho com mulheres e homens, mas é com os homens que tenho conversas mais interessantes, ou talvez não, mas pelo menos é com eles que mais me rio. Já com as mulheres as conversas são muitas vezes destrutivas, ridículas, e desesperantes, e é disto que aturo, infelizmente.

Como por exemplo e nada de novo, falar dos outros:

 

Chefa - Conheces a mulher do P?

Eu -  Não.

Chefa -  Eu vi-a uma vez, ela é tão bonita que nem parece portuguesa!

Eu - Mas Portugal também tem mulheres bonitas!

Chefa atrapalhada - Sim, sim... não tou a dizer que tu és feia, mas ela é muito bonita, sabes quem olha para mim diz logo que sou tunisiana, e tu igual, vê-se que és portuguesa...

 

Passados 5 minutos passa por trás de mim, dá-me uma palmada no rabo e diz "Tu tens um rabo jeitoso"

A palmada era completamente desnecessária mas o pior ainda estava por vir, aparece o chefe e ela volta a atacar:

 

Chefa -  J-P viste a mulher do P não viste?

Ele - Não, onde é que ela está?

Chefa - Oh, ela não está aqui, mas viste-a da outra vez? Ela é tão bonita que nem parece portuguesa, concordas?

Chefe - Mas porquê, achas que as portuguesas não são bonitas?

(E eu pensei, és tão estúpida que só te enterras.)

Chefa - Não, ainda a bocado disse a S (Eu) que ela tem um rabo jeitoso!

 

Mas que C@£*%&° de conversa, qualquer dia meto-lhe um processo por assédio!!!

 

Uma outra que conhece a fulana e que ouviu a conversa diz-me: "Eu era ainda mais magra que ela antes de ter engravidado."

Pffff, sem comentários!!!

 

Mas o pior mesmo, é ter de trabalhar (por vezes) lado a lado com a chefa. Ela come-me o cérebro literalmente.

É um estado de alerta constante, é ter de filtrar a informação que lhe dou, sim porque ela procura saber coisas sobre os outros e até sobre quem já lá não trabalha, e eu (por ser educada) tento dizer o mínimo possível, quase sempre com monossílabos.

Depois vêem as conversas sexuais, ela é uma muçulmana tarada, e aí eu não participo, há conversas que não se têm num local de trabalho partilhado por um casal, e há conversas que não se têm com pessoas que não são nada mais que colegas de trabalho.

Mas quando chega a este ponto, não perdoo e se tiver de dar respostas tortas ou mandar uma boca mando, mas são tão ridículas que ainda se riem e não levam a peito.

Como por exemplo encorajar a colega infiel que está apaixonada obcecada por um colega mais velho 13 anos casado e pai de 3 filhos.

Não compactuo com estes delírios, porque simplesmente não acredito que exista alguma coisa entre eles, e brincar com uma situação destas é uma forma de a encorajar, pelo menos eu entendo assim, mas acham que eu dizer "tens de passar a outra coisa" entrou naqueles cérebros?

 

Enfim, é um desespero trabalhar assim, felizmente existem algumas pessoas que procuram injectar-me umas doses de humor. Abençoados porque senão seria mesmo triste e deprimente.

 

publicado por chocolatsuisse às 09:16
link do post | comentar | favorito
6 comentários:
De Nuno Oliveira a 28 de Outubro de 2009 às 22:00
Nada de novo portanto! :)


De chocolatsuisse a 29 de Outubro de 2009 às 19:58
Pois, nada de novo, mas de nivel cada vez mais baixo


De C. a 29 de Outubro de 2009 às 08:49
BEMMM!!! Tu trabalhas é no meio de TARADOS, LOL.
.
Tudo a correr bem ( e manda a chefe ver se está a chover no fim da rua... Somos bonitas sim!).
Beijocas, C.


De Alvaro Faustino a 1 de Novembro de 2009 às 12:06
E ainda se diz mal de nós? Porra ... Que ambiente .


De chocolatsuisse a 1 de Novembro de 2009 às 13:14
Bem, diga-se que daquela boca fala-se mal de toda a gente, mas sim é um ambiente dos mais estranhos que tive oportunidade de conhecer, vou continuando a ser simpática com todos e a dar-me bem com todos mas é preciso um valente jogo de cintura e não dar importância a nada, mesmo que me irrite profundamente.
É esse o mal de trabalhar no mesmo local com o marido, o medo de represálias para com o outro.


De Alvaro Faustino a 1 de Novembro de 2009 às 14:09
Quando conheci a minha esposa uma das coisas que decidimos foi isso mesmo. Não trabalhar no mesmo local. Não é saúdavel, seja por represálias, ciumes ou desemprego. Mas fazes bem em não ligar. A nossa cara deve ser a mesma para todas os colegas de trabalho. E as chefas são as piores, lá isso são.


Comentar post

mais sobre mim

pesquisar

 

Clube Mammy


Custom T-Shirt Generator

últimos posts

O estado das coisas por e...

Dragão

5 de Outubro

Setembro, mês de todas as...

Meteo de hoje

AS férias em imagens 1

Voltei

Humor de cão e coisas bre...

Foi hoje

Consulta dos 2 anos

arquivo mensal

Dezembro 2010

Outubro 2010

Setembro 2010

Agosto 2010

Julho 2010

Junho 2010

Maio 2010

Abril 2010

Março 2010

Fevereiro 2010

Janeiro 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

Junho 2009

Maio 2009

Abril 2009

Março 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

Dezembro 2008

Novembro 2008

Outubro 2008

Setembro 2008

Agosto 2008

Julho 2008

Junho 2008

Maio 2008

Abril 2008

Março 2008

Fevereiro 2008

Janeiro 2008

Dezembro 2007

Novembro 2007

Outubro 2007

Setembro 2007

Agosto 2007

tags

todas as tags

hiperligações

subscrever feeds